"A escola é a base para um salto maior, um salto para o futuro." Gabriel Azevedo
Estudante
15 Anos

Fénix


O Programa Fénix é uma iniciativa nacional, integrada no programa Mais Sucesso Escolar, que visa combater o insucesso escolar no ensino básico. Assenta num modelo em que os alunos com dificuldades de aprendizagem nas disciplinas de Português e Matemática são integrados temporariamente em “ninhos”, onde é ministrado um ensino mais personalizado, com respeito pelos diferentes ritmos de aprendizagem. Funcionando no mesmo tempo letivo do que a turma de origem, o que permite não sobrecarregar os alunos com tempos extra de apoio educativo, os alunos do ninho regressam à sua turma de origem assim que o nível de desempenho esperado é atingido.


A publicação do Despacho Normativo n.º 31/2015, de 26 de agosto, passa a regulamentar a implementação do programa Fénix na Região Autónoma dos Açores. 

Despacho Normativo n.º 31/2015

Para além da modalidade Ninho, prevista para os três ciclos do ensino básico, o Despacho Normativo passa a prever, nos 2.º e 3.º ciclos do ensino básico, duas modalidades alternativas de organização dos grupos de alunos: a modalidade de apoio Fénix A-B-C e a modalidade de apoio Fénix-turnos.


O programa Fénix é implementado, na Região Autónoma dos Açores, desde o ano letivo de 2012/13.


No ano letivo de 2015/16, o Projeto Fénix é implementado em 20 unidades orgânicas da Região, a saber, a EBS de Santa Maria, a EBI Canto da Maia, a EBI de Água de Pau, a EBI de Ponta Garça, a EBI de Rabo de Peixe, a EBI da Ribeira Grande, a EBS do Nordeste, a ES de Lagoa, a ES Domingos Rebelo, a ES das Laranjeiras, ES da Ribeira Grande, a EBI Francisco Ferreira Drummond, a EBS Tomás de Borba, a ES Jerónimo Emiliano de Andrade, a ES Vitorino Nemésio, a EBS da Madalena, a EBS de São Roque do Pico, a EBS de Velas, a EBS da Graciosa e a EBS das Flores.